29 de mai de 2010

Warner Bros processada por pirataria.

À semelhança da Sony BMG que foi acusada de usar software pirata à dois anos,(ver aqui) agora é a vez da Warner Bros.

Em 2003, a Medien Patent Verwaltnung (MVP) apresentou à Warner Bros a sua tecnologia que permitia a marcação de um filme de modo que seria possível rastrear as cópias vazadas até à origem de quem as tinha vazado, a Warner Bros passou a usar essa teconoilogia sem pagar nada á MVP e registrou ao que tudo indica uma cópia da tecnologia da MVP.
A empresa MVP que foi a primeira a patentear essa tecnologia  já abriu um processo contra a Warner Bros, alegando violação da patente.
Ou seja, duas empresas que mais pressão fazem para que os direitos autorais sejam pagos a eles (Sony e Warner Bros) comentem este suicido de credibilidade.
No caso da sony usou uma chave pirata para usar um programa pelo o qual nunca  pagou. A Warner, ao que tudo indica, tem usado uma tecnologia de outra empresa e nunca pagou pelo seu uso.
O curioso é que tanto a Sony como a Warner são das empresas que mais falam em direitos autorais e afirmam que quem baixar musica, filmes através de programas P2P é cometer crime.

Um comentário:

  1. Obrigado pelo conteudo de seu site , gostei muito , agora sempre que possivel vou continuar visitando.

    ResponderExcluir