25 de ago de 2010

Computador infectado pode ter sido a causa da queda do avião que matou 154 pessoas em Espanha

O voo JK 5022 caiu no Verão de 2008, no aeroporto de Barajas, em Madrid, num desastre que matou 154 das 172 pessoas que seguiam a bordo e que foi um dos piores acidentes do género na história da aviação espanhola.
Segundo informação divulgada na sexta-feira pelo jornal "El País", o computador central da Spanair, instalado na sede da empresa, em Palma de Maiorca, estava infectado com trojans, um tipo de software malicioso muito comum e que é frequentemente usado para capturar informação pessoal dos utilizadores, facilitar ataques e causar danos nos aparelhos, impossibilitou que os alertas fossem acionados, alertas esses que impediriam que o avião levantasse voo.
Fonte da noticia: Publico pt

Nenhum comentário:

Postar um comentário